Ouvidoria geral

A Ouvidoria atua quando o municipio não se sente atendido pelos orgãos públicos.

Ir para ouvidoria

Solicitar serviço

Solicite poda de árvores, retirada de entulho, troca de lâmpadas, conserto de calçadas, tapa-buracos e outros serviços da Prefeitura.

Solicitar serviços

Sugestões e críticas

Sua opinião é muito importante para nós. Mande sua sugestão, crítica ou elogio para a prefeitura.

Enviar mensagem
REUNIÃO TEM COMO PAUTA O RETORNO DAS AULAS PRESENCIAIS

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO13 de agosto de 2021


A 4ª Reunião do Conselho Municipal de Educação que aconteceu na manhã desta sexta-feira, 13, na Escola Municipal Filomena Peixoto Faria teve como uma das pautas o retorno das aulas presenciais.

A Secretária Municipal de Educação, Mônica Rodrigues, começou a reunião agradecendo a presença de todos e comemorando a efetiva atuação do Conselho, que chegou ao seu 4º encontro. Para ela, é fundamental a participação ativa dos membros, que conta com representantes da rede municipal, estadual e particular de ensino, além de representantes do Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente, Conselho Tutelar e pais de alunos. A reunião contou também com a presença do Vice-prefeito Dujô e membros da Vigilância Sanitária.

Foram apresentadas as ações que a secretaria está desenvolvendo em 2021, como a aprovação do Plano de Ação no Tribunal de Contas, término da obra na pré-escola, reforma da escola da Água Limpa, compra de equipamentos – como notebooks para todos os professores e Datashow para as salas de aula – capacitação dos professores, entre outras.

Logo após, representantes das instituições de ensino que atuam no município explicaram como está o cenário do momento. Foram levantados pontos sobre a aplicação efetiva do ensino a distância, posicionamento dos sindicatos em relação ao retorno, dificuldades e soluções encontradas no modelo atual e a necessidade do retorno presencial.

RETORNO

Os representantes do Conselho defenderam o retorno, mas para isso será realizado um Plano de Ação de Retorno de forma conjunta entre as instituições de ensino. Para o plano, serão analisados dados da vacinação tanto dos profissionais da educação quanto dos responsáveis pelos alunos, assim como todo um planejamento logístico necessário para o cumprimento dos protocolos sanitários e no transporte dos alunos.

A ideia é que o retorno aconteça de forma gradativa e espontânea a partir de outubro, visando a ressocialização e acolhimento dos alunos. O retorno ainda em 2021 acontecerá de forma híbrida, mas nada ficou definido, pois haverá uma nova reunião dentro de um mês para análise dos dados mencionados acima.

PREOCUPAÇÃO COM A EDUCAÇÃO E SAÚDE

O retorno das atividades presenciais depende da situação sanitária. Há uma preocupação evidente com o prejuízo pedagógico causado pelo período de pandemia, que avança para quase dois anos. Mas há também uma preocupação com a saúde das crianças e de todos os envolvidos direta e indiretamente com o ensino no município.

Última atualização: 22 de outubro de 2021